#BelezinhaTodoDia: 5 dias e 5 bases diferentes
#BelezinhaTodoDia

#BelezinhaTodoDia: 5 dias e 5 bases diferentes

por Vânia Goy

Quem me acompanha no Instagram (@vaniagoy) sabe que todos os dias mostro novidades e produtos que venho testando no Stories. Para acabar com a choradeira de quem perde o fio da meada depois de 24 horas resolvi organizar os destaques em uma nota semanal aqui.

No topo da minha lista de favoritos: bases! Não tem nada que eu goste mais de testar do que produtos para a pele. Já declarei meu amor incondicional pela Future Solution LX, da Shiseido por aqui, mas tô sempre em busca da pele perfeita e natural. Dei uma pista das cinco selecionadas no Stories, do meu Instagram, mas aqui falo com mais profundidade de cada uma delas.

BB Cream Hydracolor FPS 65 (R$ 104), Árago Cosméticos
Cobertura: média/alta
Acabamento: luminoso
Durabilidade: ótima

Para começar, acho bases em bastão muito práticas e boas para quem procura cobertura. Tô naquela fase de querer disfarçar o melasma from hell que mostrei aqui, então essa foi muito eficiente. Mesmo assim, ela não fica pesada nem opaca demais, ao contrário. Vale lembrar que eu tenho a pele oleosa, então senti que ela manteve a luminosidade e brilho. Dura bastante (não uso pó e raramente retoco a maquiagem ao longo do dia), tem FPS alto, que eu amo, e só tem um inconveniente: transfere com alguma facilidade. Portanto, cuidado com colarinhos brancos e abraços apertados.

Parure Gold (R$ 425), Guerlain
Cobertura: média/alta
Acabamento: acetinado
Durabilidade: ótima

Fiquei impressionada com o quanto essa base rende! Precisei de apenas um pump para cobrir o rosto todo. Ela tem FPS 30, boa cobertura e não chega a ser opaca, deixa o rosto acetinado. O acabamento é muito sofisticado. Não retoquei ao longo do dia e fiquei felizona até o fim da tarde, com tudo em cima. Sem acúmulo nas linhas ou poros. Surpresa das muito boas!

Diorskin Forever Perfect Cushion (R$ 299), Dior
Cobertura: leve/média
Acabamento: luminoso
Durabilidade: boa

Primeiro que eu amo essas bases cushion. Elas, na verdade, são bases líquidas que moram em espumas, o que facilita muito a vida de quem vai se maquiando no táxi, no metrô e tal. Essa versão é muito boa, prática, com cobertura natural, que deixa aquela sensação que você não está maquiada, só passou um hidratante. Com FPS 35, é perfeita pro dia a dia e para quem precisa se arrumar rapidinho. Só senti necessidade de dar uma retocada no meio do dia, mas usei ela mesma para isso (não curto muito pó).

Chubby Stick In The Nude Foundation (R$ 169), Clinique
Cobertura: média
Acabamento: opaco
Durabilidade: boa

Essa não é exatamente uma novidade, mas também é uma ótima opção para dias apressados. Fácil de usar, é só distribuir no rosto todo e espalhar com os dedos ou um pincel de fibra. Gosto da cobertura, acho que dura bastante e gosto ainda mais da praticidade de levar na bolsa. É a minha opção número 1 para levar no avião. Usei durante um bate e volta pro Rio de Janeiro num dia ameno e úmido e ela aguentou bem. O bastão ainda faz as vezes de corretivo numa boa. O único ponto fraco é que ela não tem filtro solar. Mas isso aí é fácil de resolver, vai!

Sisleÿa Le Teint (R$ 940), Sisley
Cobertura: média
Acabamento: luminoso
Durabilidade: média

Essa base da Sisley é quase um filtro do Instagram. Deixa a pele lisa, com brilho elegante e saudável. A promessa da fórmula é ser um tratamento antiidade potente, para levar a base além da maquiagem pura e simples. Recomendo fortemente para quem tem mora em lugares secos, tem a pele seca ou madura e sente falta do viço — nem sempre o iluminador dá conta de trazer aquele brilho das têmporas. No meu caso (de novo, tenho a pele oleosa) é imprescindível que eu faça um retoque depois de quatro horas, em média. Ela acumulou nos poros das maçãs e no centro da testa (sobretudo nos dias quentes!) e resolvi com uma pincelada de pó.

Posts Relacionados