Faxina: por que os produtos com carvão na fórmula são um sucesso
Eleitos

Faxina: por que os produtos com carvão na fórmula são um sucesso

por Vânia Goy

É só entrar em uma farmácia americana para dar de cara com 86794909 produtos feitos com carvão ativado, ou activated charcoal, como aparece nas embalagens gringas. Não fica com nojinho! O ingrediente é uma febre lá fora. Nas prateleiras dá pra encontrar tudo quanto é produto de beleza feito com ele: sabonete pro rosto, pasta de dente, máscara facial, esponja de maquiagem e até lencinho de limpeza e suco verde.

O segredo do carvão é que ele tem o poder de atrair toxinas. Por isso que os nosso filtros de água têm carvão dentro. A promessa é que os produtos de beleza funcionem meio que da mesma forma: o carvão ativado atrai quase que magneticamente a sujeira e o óleo e depois vai tudo pelo ralo quando você enxágua o rosto.

Por isso ele é tão recomendado para as peles oleosas (a minha!) e com acne e cada vez mais frequente nos produtos anti-poluição, que também estão muito na moda. O City Block Purifying Charcoal Cleansing Gel (R$ 129), da Clinique, é um deles. Tenho usado só durante à noite, para ajudar a tirar a maquiagem sem acabar ressecada.

A Curaprox, marca daquelas escovas de dente lindinhas, também trouxe um creme dental com pó de carvão ativado na fórmula. Segundo a marca, o Black is White (R$ 95) ajuda a branquear os dentes e é menos abrasivo do que os ativos clareadores tradicionais.

A Lush, fã de ativos naturais, é a campeã de produtos com carvão por aqui: eles vendem o Coalface (R$ 51), sabonete em barra com cheiro delícia de incenso, o Dark Angels (R$ 62), esfoliante, o The Guv’ner (R$ 61), desodorante natural, e o Boom! (R$ 52), uns comprimidinhos exóticos que você mastiga feito uma bala, eles espumam e você escova os dentes!

Posts Relacionados